Blog da Dermato

Mitos e verdades sobre o melasma

Mitos e verdades sobre o melasma

O melasma é uma condição que afeta a pele, causando manchas escuras, principalmente no rosto. Muitas pessoas têm dúvidas sobre o que causa o melasma, como prevenir e como tratar. Por isso, neste texto, vou esclarecer alguns mitos e verdades sobre o melasma. Confira!

•  O melasma é causado pelo sol. Verdade. A exposição ao sol é um dos principais fatores que desencadeiam ou agravam o melasma, pois a luz ultravioleta estimula a produção de melanina, o pigmento que dá cor à pele. Por isso, é fundamental usar protetor solar diariamente e evitar a exposição nos horários de maior incidência solar.

•  O melasma só afeta as mulheres. Mito. Embora seja mais comum nas mulheres, o melasma também pode afetar os homens. Cerca de 10% dos casos de melasma ocorrem no sexo masculino. Os fatores que podem contribuir para o melasma nos homens são os mesmos das mulheres, como a exposição solar, a predisposição genética e algumas doenças.

•  O melasma tem cura. Mito. Infelizmente, o melasma não tem cura definitiva. No entanto, existem tratamentos que podem clarear as manchas e melhorar a aparência da pele. Os tratamentos mais indicados são os cremes clareadores, que contêm substâncias como hidroquinona, ácido azelaico, ácido kójico, entre outras. Outras opções são os peelings químicos, o microagulhamento, o laser e a luz intensa pulsada. O tratamento deve ser orientado por um dermatologista, que irá avaliar o tipo e a extensão do melasma, e indicar o método mais adequado para cada caso.

•  O melasma pode piorar com o uso de anticoncepcionais. Verdade. Os anticoncepcionais orais podem piorar o melasma em algumas mulheres, pois eles contêm hormônios que podem estimular a produção de melanina. Isso não significa que todas as mulheres que usam anticoncepcionais vão ter melasma, mas sim que aquelas que já têm predisposição ou que já têm melasma podem ter uma piora das manchas. Nesses casos, é recomendado conversar com o ginecologista sobre a possibilidade de trocar o método contraceptivo por outro que não interfira na pigmentação da pele.

•  O melasma pode ser prevenido. Verdade. Embora não exista uma forma de prevenir totalmente o melasma, é possível reduzir o risco de desenvolver ou agravar as manchas. As principais medidas de prevenção são: usar protetor solar diariamente, reaplicando a cada duas horas ou sempre que suar ou se molhar; evitar a exposição ao sol nos horários de maior radiação, entre 10h e 16h; usar chapéus, óculos de sol e roupas que protejam a pele; evitar o uso de cosméticos que irritem a pele; consultar um dermatologista regularmente.


Lembre-se que o melasma é uma condição benigna, que não traz riscos à saúde, mas que pode afetar a autoestima de quem tem. Cuide da sua pele e da sua saúde!


Espero que este texto tenha ajudado a esclarecer algumas dúvidas sobre o melasma. Lembre-se que o melasma é uma condição benigna, que não traz riscos à saúde, mas que pode afetar a autoestima de quem tem. Eu estou à disposição para te atender e te orientar. Marque uma consulta comigo e descubra como eu posso te ajudar. 
Cuide da sua pele e da sua saúde!
Até breve!

Compartilhar:

Onde Consultar:

Clínica Face

icone endereço
Av. Rio Branco, 404 • Edifício Planel Towers
Torre I • Sala 302 • Centro • Florianópolis/SC
icone telefone
(48) 3224-2214

Contato

Top

Preencha todos os campos obrigatórios.

No momento não conseguimos enviar seu e-mail, você pode mandar mensagem diretamente para contato@draandreabelli.com.

Preencha todos os campos obrigatórios.

Contato enviado com sucesso, em breve retornamos.

Você será redirecionado em alguns segundos!